• GL

Tarifa de água aumenta em todo o país, em Goiás o aumento chega a 9,16% a partir de julho.



O preço da conta de água tem subido em todo o Brasil, acompanhando a inflação as concessionarias de abastecimento de água tem repassado aumentos severos para seus consumidores, em Goiás esse aumento chegou a quase 10%, indignado consumidores tem feito protestos nas redes sociais, contas dispararam com aumento sem explicação de até 50% do valor normal, será mais ar na conta dos consumidores, como se já não fosse o bastante o valor pago pela água consumidores amargam o ar que é registrado pelos hidrômetros e estão elevando as contas de águas nas alturas.

No caso desta conta de água o valor passou de R$ 105,62 para R$ 648,83

“Eu trabalho o dia inteiro, chego em casa e essa conta de R$ 648,83 para pagar. Meu Deus, eu tô com muita raiva. Moram três pessoas na minha casa. Eu pagava menos e essa variação de um mês para o outro e ainda fiquei sem água”, disse Maria Angélica Santana.

De acordo com a empresa, o reajuste é previsto em lei. O superintendente de comunicação da Saneago, Luiz Novo, afirma que o aumento é calculado a partir da inflação e de outras despesas.

“O reajuste tarifário é praticado anualmente. Estamos tendo uma reposição dos índices inflacionários que foram aplicados ao longo de 2015. O calculo do reajuste tarifário foi feito em cima de uma cesta de indicadores, [IPCA] Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo, custos de telefonia, energia elétrica”, disse o superintendente de comunicação da Saneago.

Na tarifa de junho, há um aviso da Saneago sobre o aumento. Os goianos reclamam do reajuste. “É um item de primeira necessidade e vai dificultar ainda mais para a gente, já está difícil a vida. Tem que trabalhar mais ainda para dar conta da casa”, lamenta um mototaxista.

Fonte de informação g1.com

0 visualização0 comentário